segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Guarda-redes protesta de costas na altura do penálti


Em sinal de protesto contra a decisão do árbitro, o guarda-redes do Vointa Sibiu virou-se de costas na altura que foi marcada uma grande penalidade.



Esta situação insólita aconteceu no fim-de-semana nos minutos finais do jogo entre o Petrolul Ploiesti e o Vointa Sibiu, da I Liga romena. O marcador estava 3-1 a favor dos da casa e os jogadores do Sibiu muito aborrecidos com as decisões do árbitro.
O balde de água fria surgiu nos descontos. O árbitro marcou uma grande penalidade a favor do Petrolul Ploiesti e o guarda-redes Remus Danalache não foi de modas: virou-se de costas e não nem viu a bola partir.
O árbitro mandou repetir o penálti e desta vez o guarda-redes virou-se de frente. Mas de braços abertos, dando a entender que nem sequer se ia mexer. E assim o fez. O resultado foi mais um golo e o 4-1 final a favor do Petrolul Ploiesti.
No final do jogo, o guardião Danalache confessou que a decisão de se colocar de costas e posteriormente deixar a bola entrar na altura da grande penalidade foi tomada de comum acordo por toda a equipa em sinal de protesto contra as decisões tomadas pelo árbitro.

Fonte: DN

Sem comentários: