terça-feira, 22 de novembro de 2011

APAF pede "punição exemplar" para agressores de árbitros


A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), presidida por Luís Guilherme, exigiu esta terça-feira que os agressores dos árbitros Fernando Pinto e Manuel Soares sejam punidos "de forma exemplar", para que não se repitam estas situações.
"A APAF, ao tomar conhecimento das bárbaras e cobardes agressões das quais foram vítimas os árbitros, e nossos associados, Fernando Pinto e Manuel Soares, vem por este meio lamentar as referidas agressões, solidarizando-se com aqueles colegas, exigindo às entidades competentes, desportivas e judiciárias, que tomem as atitudes necessárias para punir de forma exemplar os agressores", lê-se em comunicado.
A associação da classe indica ainda que "disponibiliza os seus serviços jurídicos" aos dois associados, apoiando as medidas julgadas necessárias para evitar que se repetam os incidentes verificados no domingo, no final do jogo Sobrado-Atlético de Rio Tinto, da 11.ª jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão da Associação de Futebol do Porto (AFP), que terminou empatado 2-2.
Na sequência das agressões alegadamente perpetradas por adeptos do Sobrado, o primeiro árbitro auxiliar, Fernando Pinto, teve de ser transportado pela ambulância do INEM para o Hospital de São João, no Porto.
Na segunda-feira, o Núcleo de Árbitros de Futebol do Vale do Sousa (NAFVS) exigiu que a Associação de Futebol do Porto e o seu Conselho de Arbitragem "desenvolvam as ações necessárias" para punir "de forma exemplar" os agressores, que, segundo fonte da GNR, seriam adeptos da equipa de Sobrado, Valongo.
Ainda de acordo com o NAFVS, a situação foi agravada pelo facto "de elementos e adeptos do CD Sobrado não permitirem que os árbitros agredidos e com lesões graves tivessem a possibilidade de serem assistidos medicamente no local, tendo obrigado a equipa médica a prestar a devida assistência fora da localidade"

Sem comentários: