segunda-feira, 19 de março de 2012

Golo polémico: árbitro ignora assistente e dá-se mal...

A missão de um árbitro assistente é auxiliar o juiz principal em vários lances, com especial incidência para o fora-de-jogo. Por isso mesmo é que se chamam assistentes...

Ora, o argentino Diego Arbel provou ser um árbitro especial. Um árbitro que não precisa de assistentes ou, pelo menos, dá-se ao luxo de ignorar indicações dadas por quem está bem melhor posicionado. Correu mal. 

Frente a frente estavam o San Lorenzo, do ex-leão Carlos Bueno, e o Colon, do ex-portista Prediger. O San Lorenzo vencia por 1-0 e, num lance de ataque do Colon, o auxiliar assinalou fora de jogo. Toda a defensiva do San Lorenzo parou, mas Frederico Higuaín, irmão do avançado do Real Madrid, centrou para a área onde, de forma algo displicente, Ariel Garce empurrou para a baliza.

Inexplicavelmente, Diego Arbel apontou para o círculo central, validando o golo. Optou por ignorar a indicação do seu assistente, que até tinha razão como provaram as imagens televisivas.

Os jogadores do San Lorenzo não se conformaram. Os próprios adeptos também ficaram furiosos e gerou-se um clima tenso no estádio. Mas, para todos fica a lição: assistentes ajudam, árbitros decidem. O lance só termina quando se ouve o apito.




Fonte: Mais Futebol

Sem comentários: