segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

APAF: Arbitragem no Bairro quer recrutar 200 jovens para o setor

Projeto pretende formar para o desporto e arbitragem


Recrutar 200 jovens para a arbitragem no próximo ano é o objetivo da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) no âmbito do projeto Arbitragem no Bairro, apresentado esta quinta-feira, em Lisboa.

"Será mais um passo para ajudar a credibilizar a arbitragem. O árbitro é muito mais do que aquele elemento incompreendido no campo», referiu Luciano Gonçalves, presidente da APAF, destacando que «a parte mais difícil" é motivar para não desistir e manter interesse e chegar ao profissionalismo. "Queremos mostrar aos jovens que a arbitragem é muito mais do que isto", frisou.

Nuno Mendes, diretor para a área do futsal na APAF, espera contactar "cerca de 5 mil jovens" num ano em interação com instituições de solidariedade. "Gostaríamos que no final fossem mais que duas centenas. Se conseguirmos 200 já será um número de sucesso", detalhou.

Palestras de sensibilização e minicursos de formação teórica antecedem a "prática em jogos de camadas jovens", num processo que levará os melhores às associações distritais para tirarem o curso oficial de árbitro e passarem a juízes federados.

O projeto Arbitragem no Bairro nasceu em 2015 para formar jovens para o setor da arbitragem e consciencializar a sociedade para a formação e transmissão da ética no desporto. É levado a cabo pelo programa Desporto para Todos, Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ) e associação CAIS, através do futebol de rua.

Fonte: MaisFutebol


Sem comentários: