quinta-feira, 18 de maio de 2017

"Vídeo-árbitro? É uma ajuda mas não é a cura para o futebol português"

Presidente da APAF destacou a importância do vídeo-árbitro, porém, alertou para o facto de não ser uma solução que resolva todos os problemas em torno da questão da arbitragem.


Luciano Gonçalves já reagiu à medida anunciada, esta quinta-feira, pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) quanto à utilização de vídeo-árbitro em todos os jogos da I Liga, na próxima temporada. O presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) refere que irá "reduzir o ruído" mas não é uma "cura" para tudo.

O presidente da APAF pede ainda "bom senso" para que "possamos aproveitar as vantagens do vídeo-árbitro e não acabar com o projeto à nascença. O mais importante é que todos mudem a mentalidade, que atualmente é de permanente responsabilizar os árbitros pelo insucesso das respetivas equipas", finalizou

Fonte: Notícias ao minuto

 


Sem comentários: