sexta-feira, 19 de junho de 2009

Jorge Sousa de novo árbitro do ano em Portugal

Jorge Sousa foi o árbitro mais bem classificado de 2008/09, repetindo o "êxito" da época anterior, anunciou esta tarde a Federação Portuguesa de Futebol no seu site. O juiz surge agora à frente do lisboeta Pedro Proença e do leiriense Olegário Benquerença.
O árbitro da Associação de Futebol do Porto, de 33 anos, teve uma pontuação total de 3768 pontos. Nos lugares seguintes ficaram Pedro Proença (3757 pontos) e Olegário Benquerença (3728 pontos), que foram os únicos com mais de 3700 pontos.
Duarte Gomes (3671), João Capela (3668), Carlos Xistra (3663), Lucílio Baptista (3661), João Ferreira (3660), Vasco Santos (3650) e Artur Soares Dias (3638) encerram a lista dos dez primeiros.
Augusto Costa (3493), Nuno Miguel Roque (3472) e Rui Silva, que esteve suspenso, foram os juízes piores classificados.
Entre os árbitros assistentes, Bertino Miranda foi o melhor, com 3740 pontos, seguindo-se José Trigo (3726) e José Cardinal (3698).
Oiça aqui as palavras de Vitor Pereira sobre Jorge Sousa.
In: RTP

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Classificações da Arbitragem - Época 2008/2009


A Federação Portuguesa de Futebol divulgou os comunicados oficiais com as classificação da Arbitragem relativas à Época 2008/2009:
C.O. Nº440 Classificações Quadro de Árbitros e Obs. Futsal
C.O. Nº439 Classificações Árbitros, Árb. Ass., Obs. (Futebol)
C.O. Nº438 Classificações 1ª Cat. Nacional

FIFA proíbe “monitores de TV junto ao quarto árbitro”

A FIFA anunciou hoje a proibição da presença de monitores de televisão junto ao quatro árbitro para evitar novas controvérsias como a ocorrida na partida entre Brasil e Egipto, na última segunda-feira, na Taça das Confederações.
O Egipto apresentou um protesto na FIFA contra o árbitro Howard Webb por ter assinalado uma grande penalidade favorável à selecção brasileira no último minuto da partida. Nesse lance, Ahmed Al Muhamadi cortou a bola em cima da linha de golo com o braço e o árbitro, inicialmente, assinalou pontapé de canto. Segundo os egípcios a falta só foi marcada depois da intervenção do quarto árbitro, que teria assistido à jogada através de um monitor de televisão.
"Para se certificar de que não há mais dúvidas sobre o uso de imagens de televisão em jogos pelo quarto árbitro, não serão permitidos monitores de TV junto ao quarto árbitro", afirmou Joseph Blatter, presidente da FIFA. "Isto é definitivo. Portanto, ninguém pode dizer que há interferência de vídeos. Isto é o resultado de uma situação que poderia ter criado alguns problemas". Blatter afirmou que o incidente ocorrido na vitória do Brasil por 4-3, sobre o Egipto, confirmou a sua opinião de que as repetições não devem ser utilizadas para auxiliar decisões da arbitragem. "Mantenho a opinião de que não devemos usar vídeos para decisões no campo do jogo. E esse princípio não é só meu: isto foi confirmado e reconfirmado pelo International Football Association Board [entidade responsável pelas regras do futebol]".
in: Publico

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Clubes avaliam desempenho dos árbitros

Vítor Pereira, presidente da Comissão de Arbitragem (CA) da Liga de Futebol Profissional, já tem em seu poder a opinião dos clubes sobre o trabalho dos árbitros do quadro principal na época que agora findou. Algumas das principais conclusões deverão ser divulgadas publicamente ainda esta semana pelo próprio responsável máximo da CA.
Vítor Pereira prepara-se para dar uma conferência de imprensa para balanço da arbitragem esta temporada, durante a qual dará a conhecer as principais opiniões dos participantes na I Liga e Honra. Pela primeira vez, a Liga deu voz aos dirigentes dos clubes, que preencheram um inquérito de avaliação dos juízes.
Um documento que é bastante completo e complexo, no qual são avaliados vários aspectos da arbitragem, desde o desempenho nos jogos dos respectivos clubes, à forma de dirigir, ao relacionamento existente.
Aos clubes também foram solicitadas sugestões para o melhoramento das arbitragens em Portugal. Este foi o sector (à semelhança do que acontece todos os anos) que mais criticas e polémica originou esta época, com alguns clubes a pedirem mesmo a demissão de Vítor Pereira.
In: Mais futebol

terça-feira, 16 de junho de 2009

Árbitros Promovidos à 3ª Categoria da FPF

O Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, divulgou através do Comunicado Oficial Nº430, os resultados dos exames de promoção à 3ª categoria Nacional.
Veja os resultados aqui.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Pedro Proença no Europeu Sub-21

O árbitro internacional português, Pedro Proença, é um dos seis escolhidos para apitar na fase final do Europeu Sub-21, que se disputará de 15 a 29 de Junho na Suécia, confirmou domingo a UEFA.
Proença, de 38 anos, vai apitar o Itália-Sérvia, dia 16, podendo depois voltar a ser chamado para jogos de uma fase mais avançada da competição, em que se vão disputar 15 jogos.
Além de Proença estarão na Suécia, na segunda quinzena do mês, Cuneyt Çakir (Turquia), Tony Chapron (França), Claudio Circhetta (Suíça), Peter Rasmussen (Dinamarca) e Bjorn Kuipers (Holanda).

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Sondagem RefereeTip: Artur Soares Dias - Árbitro da Época 2008/2009

Artur Soares Dias foi o árbitro que os visitantes do RefereeTip elegeram como sendo o melhor da época que findou. Jorge Sousa, também do Porto, ficou a apenas um voto do vencedor.
Votaram nesta sondagem, durante o último mês e meio, 290 visitantes.
Veja os resultados:

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Bruno Paixão dirige hoje jogo para o Mundial 2010

Bruno Paixão coadjuvado por José Ramalho e Serafim Nogueira, enquanto árbitros assistentes, e por João Ferreira, na condição de quarto-árbitro dirige hoje, em Kiev, o encontro entre Ucrânia e Cazaquistão, a contar para a fase de qualificação do Campeonato do Mundo África do Sul 2010.

terça-feira, 9 de junho de 2009

«Carrinho» ao árbitro vale cartão amarelo

O jogo entre o Tenerife e o Xerez, os dois primeiros classificados da 2ª divisão espanhola, ficou marcado por um episódio insólito. Ignacio Villanueva, o árbitro do encontro da 40ª jornada, foi atingido por um «carrinho», quando se preparava para expulsão um jogador da equipa da casa.
Estavam cumpridos 27 minutos de jogo quando tudo aconteceu. Carlos Calvo, jogador do Xerez, arrancou a grande velocidade pelo flanco direito e foi travado de forma impetuosa por Ricardo, médio do Tenerife. A entrada não foi nada meiga, e motivou pronta reacção dos elementos do Xerez. Não só dos responsáveis que estavam no banco, mas também dos jogadores que estavam em campo. Um deles, Francis, correu de tal forma para o árbitro que acabou por escorregar e aplicar-me um «carrinho».
A «pressa» de pouco ou nada valeu, já que o árbitro já se preparava para expulsar o jogador da equipa adversária. Francis acabou por receber também ele um cartão, ainda que amarelo, pela «entrada faltosa» sobre o árbitro.
De referir ainda que, mesmo a jogar com dez elementos, o Tenerife conseguiu vencer o encontro (2-0) e ascender à liderança da prova.
Mas o melhor é deixar as contas de lado e ver o insólito episódio:

In: IOL

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Árbitro Herbert Fandel pôs um ponto final na sua carreira

O alemão que arbitrou a final da Liga dos Campeões em 2007, deixa o futebol aos 45 anos.
Num comunicado da Federação Alemã de Futebol, Fandel considera que "tinha chegado a hora de pôr um fim à sua carreira".
Herbert Fandel foi árbitro durante trinta anos, vinte dos quais no futebol profissional. O alemão cumpriu 247 partidas no campeonato germânico, 26 jogos internacionais, nomeadamente nos Jogos Olímpicos de 2000, Taça das Confederações de 2005 e Euro-2008. Para além destes, arbitrou ainda 56 jogos das competições europeias, onde se destacam a final da Taça Uefa em 2006 e a final da Liga dos Campeões em 2007.
in: RTP

Hoje: Olegário Benquerença na Figueira da Foz


sábado, 6 de junho de 2009

Exames de Promoção ao Quadro de Árbitros de 3ª Categoria da FPF

Realizam-se hoje os exames de promoção ao quadro de árbitros da 3ª categoria da Federação Portuguesa de Futebol.
A todos os candidatos RefereeTip deseja a melhor sorte.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Classificações FPF: Oficialmente divulgadas dia 18 de Junho


Árbitro espanhol craque no poker...

Eis um verdadeiro "árbitro desmancha prazeres". O árbitro internacional espanhol Manuel Mejuto González venceu a última edição do programa espanhol "PokerStars - Estrellas en Juego", impedindo o 2.º classificado de ganhar uma entrada no EPT de Barcelona, no valor de mais de 5 mil euros.
No programa que a "Antena 3" transmite quinzenalmente participam, regularmente, figuras ligadas ao desporto e um jogador que se apura através de um torneio gratuito na internet. Este ganha uma entrada no EPT de Barcelona se vencer o concurso e conseguir eliminar todos os adversários.
Esta semana, o jogador que tentava a entrada no torneio do maior circuito europeu de poker esteve muito perto de ser o primeiro de sempre a conseguir a proeza. Às mãos de Manuel Márquez caíram os futebolistas do Athletic Bilbao Llorente e Amorebieta, seguidos do antigo tenista Sergi Bruguera, jogador de poker com reconhecidas capacidades.
Porém, quando tudo indicava que Marquez seria o primeiro de sempre a conseguir eliminar todos os participantes, o árbitro Mejuto González contrariou o favoritismo do seu opositor, que partiu para o Head's Up com uma larga vantagem de fichas, arrebatando o triunfo na primeira vez em que jogou poker ao vivo!
Mejuto González esteve presente no Euro 2004, em Portugal, e dirigiu no Euro 2008 o Portugal Turquia. Apesar de ter arbitrado cerca de 40 jogos na Liga dos Campeões, entre os quais a final de 2005 entre Liverpool a AC Milan, o espanhol é mais conhecido pela polémica do decisivo Escócia-Itália de apuramento para o Euro 2008, onde os transalpinos saíram vitoriosos graças a um penálti inexistente que González assinalou no último minuto, a um golo em fora-de-jogo e a um tento mal anulado aos escoceses.
Já durante a fase final da prova, expulsou os selecionadores da Alemanha e da Áustria no intervalo do jogo entre as duas seleções por "estarem a gozar com o 4.º árbitro obrigando-o constantemente a mandarem-nos sentar-se".
Agora, até no poker teve uma prestação que deixou um enorme amargo de boca ao seu adversário ao mostrar um "cartão vermelho" às intenções de Manuel Marquez marcar presença no EPT de Barcelona, torneio cujo valor de inscrição ascende a mais de 5 mil euros.
In: Record

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Experiência dos 5 árbitros continua na Europa League

As experiências com cinco árbitros vão continuar nos jogos da UEFA Europa League de 2009/10 por proposta do Presidente da UEFA, Michel Platini, na sequência da aprovação do Comité Executivo da FIFA, que esteve reunido em Nassau, nas Bahamas.
Dois árbitros suplementares
Estes testes surgem depois de, no início deste ano, o organismo responsável pelas leis do futebol, o International Football Association Board (IFAB), ter autorizado a continuação dos mesmos durante a reunião geral do organismo em 2009. Para além do árbitro e de dois assistentes nas linhas laterais, haverá mais dois assistentes atrás da linha de fundo, especialmente atentos às incidências dentro da área, como faltas ou comportamentos incorrectos.
Maior interesse
As experiências vão decorrer na UEFA Europa League, facto que irá proporcionar ainda maior interesse em redor da nova competição europeia de clubes, em estreia na próxima época.
Reacções positivas
As primeiras experiências com dois árbitros suplementares decorreram com sucesso no último Outono, nos mini-torneios de apuramento para o Campeonato da Europa de Sub-19, tendo gerado reacções extremamente positivas, tanto pela parte dos árbitros como dos observadores. Os membros do IFAB analisaram os relatórios sobre os primeiros testes com cinco árbitros e decidiram dar autorização para a continuação desta experiência da FIFA, desta vez numa competição profissional.
Necessidade de ajudar árbitros
"Toda a gente concorda que os árbitros precisam de ajuda", comentou Michel Platini. "O futebol está muito mais rápido, pois os jogadores estão cada vez mais bem preparados e deixam os homens de preto perante uma missão que parece impossível".
Ajuda preciosa
"Dois pares de olhos suplementares, atentos a tudo o que se passa na grande área, são uma ajuda preciosa para o árbitro e reforçam a equipa de arbitragem, em confiança e em número, permitindo também maior fluidez do jogo".
Criar condições ideais"
As melhores equipas são, muitas vezes, as que demonstram maior coesão. Ao reforçar a posição do árbitro principal, estamos a criar as condições ideais para as equipas de arbitragem serem também cada vez melhores".
in: UEFA

Tertúlias do Núcleo de Árbitros da Figueira da Foz


segunda-feira, 1 de junho de 2009

FIFA anuncia equipas de arbitragem com cinco elementos

As equipas de arbitragem na Liga Europa, nova designação da Taça UEFA, terão cinco elementos. A novidade foi anunciada pelo presidente da FIFA, Joseph Blatter, durante o congresso nas Bahamas: «Estávamos à procura de uma oportunidade para fazer esta experiência e encontrámos a solução com Michel Platini e a UEFA. Puseram à disposição a nova Liga Europa.»
Os testes vão começar na fase de grupos da competição. Os responsáveis da FIFA pretendem ainda colocar mais dois assistentes a "vigiar"a área de grande penalidade, para ajudarem os árbitros em lances duvidosos. Uma situação que surge em alternativa às propostas feitas para se usassem as imagens de vídeo.